PESQUISA

17 de março de 2017

A Mulher no setor sucroenergético

Usinas Itamarati participa do VI Encontro Cana Substantivo Feminino

Comunicação Usinas Itamarati

Além de propiciar internamente um espaço de reflexão sobre o papel da mulher, a Usinas Itamarati também interagiu com outras empresas sucroenergéticas, discutindo a presença da mulher no setor. A gerente de Recursos Humanos, Cinthia Xavier Martins de Lima, representou a empresa no VI Encontro Cana Substantivo Feminino, promovido pela empresa Paiva & Baldin Editora, responsável pelo CanaOnline, veículo de comunicação focado no setor sucroenergético.

Realizado no dia 16 de março, no Centro de Convenções Cana do IAC (Instituto Agronômico), em Ribeirão Preto, o evento reuniu mais de 300 participantes, sendo 95% mulheres, provenientes de cinco estados e 27 cidades. Estiveram presentes donas de usinas, diretoras, superintendentes, gerentes, coordenadoras, engenheiras, administradoras de empresa, assistentes sociais, psicólogas, pesquisadoras, professoras, jornalistas, economistas, produtoras rurais, estudantes, operadoras de máquinas agrícolas, de colhedoras de cana, tratoristas, motorista de rodotrem, profissionais de venda.

Fazer diferente

Cinthia compôs a mesa de debates no painel “Fazer diferente - mulheres que implementam novas práticas de produção, que promovem ações que transformam vidas e conquistam postos considerados ‘serviço de homem’”.

“Precisamos de mais encontros como este para que mais pessoas e empresas tenham este olhar, para fazer a diferença e efetivamente promover a inclusão da mulher. Para tratar realmente do tema a gente precisa promover encontros, debates e discussões”, analisa a gerente de RH. “Levo na minha bagagem outras experiências que vão, sem dúvida, agregar às nossas práticas na Usinas Itamarati”, conclui.